20 de fev de 2009

METAS DE 2009

E lá vamos nós às metas que pretendo alcançar até Fevereiro de 2009:


* Progredir na empresa que trabalho;
Desejo subir na função que desempenho, mudar para cargo melhor ou aumentar o salário. Qualquer uma dessas que eu conseguir alcançar, ficarei feliz, pois, trabalhando, sei que será mais difícil subir na minha função, no cargo ou no salário porque pra isso acontecer eu terei que estudar o dobro que venho estudando e em um tempo reduzido pela metade. Mas farei o meu melhor.

*Encerrar minha empresa;
Para isso contarei com a ajuda da Dani-adêvogada. Fazer distrato, correr na receita federal, na junta comercial, enfim: papelada, papelada, papelada. E dor de cabeça. Espero não discutir, nem brigar com ninguém. Até pq isso já deveria ter sido feito faz tempo. E junto com encerrar a empresa, entenda-se nesta meta, que eu pretendo desfazer todos os móveis daqui, o patrimônio da empresa em si. Devolver o imóvel onde estou.

*Pagar os credores;
Esse item será mantido atualizado cada vez que eu tomar ciência das coisas que eu devo. Para ter tranquilidade para estudar, fechei meus olhos e deixei tudo pra lá. Preciso fazer um levantamento pra saber quando e pra quem devo. Criar uma planilha com todos os parcelamentos e seguir à risca os pagamentos. Pretendo pagar todos em 2009. Mesmo que eu fique sem dinheiro, afinal, quem passou dois anos sem receber praticamente nada, está mais que escolada de como fazê-lo. A coisa é que pelo menos, sei que a minha vida começará a andar pra frente.

*Entrar na faculdade;
Sabendo quando devo e pra quem, saberei tb se sobrará algum dinheiro. E se sobrar, o que fazer com ele: guardar pra usar depois na hora de entrar na faculdade ou arriscar uma mensalidade de uma faculdade qualquer, até eu ter dinheiro suficiente pra me transferir para uma boa faculdade.

*Continuar a ter pelo menos um dia de atividade física;
Dessa forma, eu mantenho a cabeça arejada e o corpo em movimento. Acho que dispensa os porquês de eu querer manter essa meta na minha vida.

*Voluntariado;
Espero abrir um grupo de leituras e quem sabe, um grupo de teatro de alunos e ex-alunos. Veremos como isso acontece pq dependerá mesmo da minha rotina. Ser voluntário é muito bom, mas o tempo tb tem que existir pra namorado, família e lazer.

*Manter as boas relações que conquistei até aqui;
Não deveria ser meta, mas depois de tudo o que vivi, espero que nenhuma surpresa desagradável ocorra. Desejo mesmo que o stress não me afete e que a mentira e as futilidades que vêm pelas pessoas não consigam me afetar.

*Casar, ter filhos, plantar árvores e etc;
E ajudar quem eu sei que precisa. Quero ainda fazer pelos meus irmãos tudo aquilo que eu sei que eles fariam por mim, se pudessem. E espero que o Namorado tenha mais paciência ainda comigo, pois o amo muito e o respeito muito.

Acho que fui modesta esse ano. Modesta acho qu enão seria bem a palavra certa e sim, prudente ou ainda usar a expressão " pé no chão".

Sei que me esforçarei pra que tudo isso aconteça. E sei que talvez esse ano seja mais fácil de viver do que os dois últimos.

SOBRE AS METAS de 2008

Então meus planos para 2008 eram os seguintes:

* Ser admitida na maior empresa do Brasil.
Consegui! Como já escrevi, por diferença de 4 dias eu conseguiria ter completado antes do meu aniversário esta meta. O importante é que consegui e ao contrário de muita gente, a crise no quesito "demissão" não me afetará. Apenas me ressinto pelas pessoas queridas e próximas que se deixarão afetar pela crise.

* Entrar na faculdade (ainda a decidir qual).
Já decidi: Direito. Se entro ou não em 2009, vou dizer que a ordem das metas pra 2009 mudarão um pouco. Não tem como fazer faculdade com tanta coisa a pagar. Assim que se resolverem as coisas, eu uso a cabeça pra fazer um ProUni ou pleitear uma bolsa.

*Fazer serviço voluntário (consegui!) *Comecei dia 01/04/08 no Idepac.Veja este capítulo lendo o post do dia 02/04/08.
Bom, estou bem satisfeita com o meu voluntariado pois tenho ótimo apoio dos superiores e os alunos parecem gostar do que faço. Tenho planos pra expansão do meu voluntariado. Mas isso dependerá de como eu vou me sair na minha nova rotina.

*Perder os 86 cm de barriga.
Ainda não me medi pra ver quanto perdi. Sei que voltar a ter uma rotina com atividade física fez bem pra minha cabeça. Aparentemente, parece que emagreci e que a barriga diminuiu. O metabolismo de quem passou dos 30 é demasiado lento. Antes de entrar em freakout, quero ver como será minha rotina e se com o fato de eu andar acelerado 10 minutos antes de entrar no trabalho, influenciarão alguma coisa. Sei que não ficarei tanto tempo sentada como ficava e que a minha alimentação poderá ser mais regrada.

*Encerrar a minha empresa.
Diria que essa será a minha segunda meta pra esse 2009. Essa meta não foi alcançada em 2008 pela minha falta de trabalho e sei que agora, com dinheiro fixo todo mês (embora seja bem pouco do que eu precisava ganhar), eu posso me programar finalmente e parcelar tudo pra que eu consiga definitivamente, deixar tudo isso pra trás.

*Pagar TODOS os credores.
2008 consegui adiantar alguma coisa no banco, graças aos meus devedores resolverem pagar. E ainda a alguns trabalhos que fiz de Numerologia e Astrologia e Decoração. Esse 2009, assim que encerrar a minha empresa, terei condições de saber quanto eu devo e como poderei parcelar pra pagar. Mesmo que não sobre dinheiro nenhum.

*Conseguir um canto.
Não consegui em 2008 e fica a esperança pra que 2009 eu consiga.

* Me bancar (totalmente)
Pois é, espero ter dinheiro suficiente pra poder pelo menos comprar calcinha, pagar internet e não depender de ninguém. Sei que ainda cortarei muitas vezes o meu próprio cabelo, mas sei que posso reservar pelo menos 20 reais pra comprar uma calça jeans e revesar com as duas que são decentes pra o convício social.

*Adotar mais um gato
Esse dependeria se caso eu pudesse ter um canto só meu. Já está difícil minha mãe me aturar imagine com dois gatos.

*Casar, ter filhos, plantar árvores e etc....
Essa realmente é uma poesia, né? Ehehehehehe. Ganhei sementes de pau-brasil de uma aluna e só me falta plantá-las. Continuo querendo toda essa poesia.