1 de out de 2008

LIVRAI-NOS DO MAL

Amém!

Por que será que quando falamos/oramos/rezamos isso, a gente faz com tanta convicção, mas quando a gente descobre certas coisas sobre certas pessoas e a gente as lima da vida da gente, fica uma ponta de "será que eu tô fazendo a coisa certa?"

Ah, Deus....
Pai inefável das profundezas do teu amor
Que o Sr me dê a capacidade de discernir as coisas
entre as boas e as más.

Daí rola a mesma coisa: vc começa a ver que certo emprego/amizade/namoro/cidade/complete aqui com sua alternativa não é mais a mesma coisa legal e saudável que antes e fica aí com medinho .....

Bah!

Me dê licença!

Eu só tenho mais 30 anos pela frente e quero os viver muito bem!