6 de out de 2010

DESSA FORMA

Parece que a fase de faxina está passando. Finalmente, pois não era sem tempo.

Contratempos.

Bom, o caso é que inicialmente a faxinona custou R$ 1.1oo,00.

Isso pq o ajudante ficou de me mandar mais custos e até agora nada. Caso é que o grosso mesmo já foi embora e o resto serão detalhes.

Daí agora vem a parte mais braçal da coisa. E já tenho que me preparar emocionalmente para o grande desfecho.

Hoje já dei um passo grandinho sobre esse assunto e creio que não há mais volta.

*********************

Vc chega e pergunta para seu cliente quando vai atendê-lo:

"-Fulano de tal, quem é?"

E ele responde:

"-É."

Só isso. Mais nada. Tipo: oi? Vc não entendeu a pergunta? Eu perguntei "QUEM É" e não se a Hebe é velha.

Repita o diálogo acima pelo menos 50 vezes ao dia.

*************************

E tem tb o "Vc lembra quando a Copa do Mundo foi assediada na África?"

Juro que é de verdade.

*********************

Traíras..... ah, as traíras. Sempre cheias de graça e malemolência, não é mesmo? Mas como diz o sábio Quintana: "Eles passarão, eu passarinho".

Mas as traíras não suportam quando os passarinhos voam..... ahahahahahahaa. Problema delas.

***************************

Meu amigo Chicão, da facul (sim, confraternizando na facul, vejam só, meus diletos leitores) contou que bem na hora dele votar, chegou um maluco e furou a fila. Logo a fila se revoltou com o Chicão tipo, "como é que vc vai deixar, mano?". Vai daí que ele botou uma pressão no maluco pedindo que ele fosse rápido, pelo menos.

Ocorre que o cara era maluco mesmo: mordendo os beiços, tracionando o maxilar usando o cabelo desgrenhado, ele avisou os mesários que queria só votar pra presidente. Mas sabem como é maluco: vc só dá bola pra eles quando eles agem feito malucos.

O cara vai até à urna e vota dois dígitos, abandona a urna e diz que acabou. (pra quem não é do Brasil e elê aqui o blog, que eu sei.... ahahaha, vale dizer que a urna é eletrônica e nesta eleição começava com deputado federal e o números mudavam conforme o candidato escolhido e a quantidade dos números digitados tb mudava. Só que não dá para avançar no programa: vc tem que votar um por um conforme a ordem que aparece.). (Eu sei, super prático pra uma população semi analfabeta como a nossa......)

Então o maluco parou e disse que já tinha votado pra presidente e ía embora. O fiscal da eleição desesperado pq não podia "invadir" a cabine de votação e ao mesmo tempo o maluco repetia exaustivamente que "SÓ QUERO VOTAR PRA PRESIDENTE" e nada do cara finalizar para liberar a urna.

A cada etapa que o fiscal ía explicando que ele teria que votar pelo menos em branco, passava dez minutos...... e o maluco repetindo: "Já votei, só quero votar pra presidente......."


Ahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahaha.

Até louco vota neste país! Quer dizer, principalmente.

Fora os que se elegem.

**********************************************

Começou com uma dor forte no umbigo que parecia um soco bem dado, certeiro. A dor irradiava para toda a pança barriga. Depois, era uma dor chata em cima da costela. Na região do baço.

Após uma dor de garganta à qual me rendi às drogas, tipo alopatia, e um fds inteiro comendo tranqueira na rua, tenho certeza que algo aconteceu com o meu estômago. Que dor filha da mãe!

Daí vou ao médico ele me palpa e apalpa e diz não saber fechar o diagnóstico. Manda eu fazer uma porrada de exames. Um deles, ultrassonagrafia. E eu, como boa pessoa hipocondríaca, medrosa da Silva prudente fiz o que ele pediu.

Antes, dá-lhe laxante e voilà : não é que a dor sumiu?

Em troca, fiquei sabendo as medidas dos meus órgãos e que eles estavam todos de tamanho normal, sem nada pra preocupar.

Seria um peido encravado? Um cocô mal estacionado? Sei lá, curti a desintoxicação.

Laxante rules! Faxina por dentro!!!!!!!!

Claro que antes disso rolaram palpites e bolões pró gravidez. Mas não gente, só totô e nada mais, 'tá?

*****************************

Té!

9 de ago de 2010

FINALMENTE

Mais um passo em direção à grande faxina.

4 assinaturas, um carimbo e muitas emoções.

Preço da faxina? Ainda não sei pq virá tudo em picados.

Em breve, tenho mais detalhes.

P.S.:"Feliz! :D". "Muito".

14 de fev de 2010

AS COISAS VÃO INDO

De uma forma ou de outra, as coisas vão indo.

Certos esqueletos resolveram sair do armário. O duro é que foram vários esqueletos ao mesmo tempo e me lembrei até da canção da Vovó Mafalda:


"Tumba lá ca tumba, tumba tá"

**********

Se vcs por acaso quiserem saber se com todo esse caos que Sampa teve por conta das chuvas, eu estava dentro do metrô no fatídico dia, a resposta é sim. Eu estava lá, espremida com todos os maloqueiros que não podiam pegar trem pra o inferno das favelas que eles chamam de casa suas respectivas casas, com eles gritando feito animais e fui literalmente empurrada pra fora da estação Tatuapé. Quase fiquei com o pé no vão entre o trem e a plataforma, tão apregoadamente avisado pelos alto-falantes.

Se quiserem saber se com toda essa chuvarada eu fiquei alagada, a resposta é não. Apenas Sexta que por um erro de "cálculo" eu resolvi descer um ponto depois e ao invés de eu ir contra a água eu fui no sentido da água, o que me custou ficar toda encharcada.

São Paulo é caótica. Por conta das pessoas. No fundo, nós paulistanos, somos todos caóticos. E sabemos disso. Para melhorar São Paulo, temos que nos transformar. Transformações implicam em desapegos que nem sempre estamos prontos.

****************************

E o "menino que só quer ser um menino de verdade, com aparência normal de um menino" a cada dia se faz mais presente embora eu sinceramente pouco me importo sobre sua existência.



O manipulado tenta ser manipulador. E acha que eu entro no jogo. Mal sabe ele que eu já cortei as amarras. Um dia, quem sabe, ele entenderá que muitas coisas eu não disse e nem fiz. E muitas coisas ele não disse e nem fez embora viessem me contar.

Eu já percebi. Já notei. Já sei. Há tempos.

Não me culpe se sou feliz por ser livre.

*************************

No voluntariado.

Formei mais alunos que no passado. E este ano resolvi não pegar turma nenhuma. Vários foram os motivos e um deles é o direcionamento dado à Fundação. Muita complacência com seus voluntários. Em uma reunião que professor diz "menas", "seje" entre outras pérolas (e achando que está arrasando claro.) e uma sumidade na profissão critica a terceira melhor escola no racking da revista Veja, fora os "penduradores de guizo no gato dormindo" (pra quem conhece a fábula); são indicadores que algo está indo mal.


Cansei de brigar, discutir e claro, depois de um ano passado no silêncio sem muitas demonstrações de voluntarismo, fica claro pra mim que quem ajudar faz. Ponto.

Ainda me ofereci para fazer algumas coisas fora do contexto "lecionar". Claro que isso incomodará os penduradores de guizo. Francamente? Nem ligo. Só dou risada.

*************************
Trabalho.

Estreitando relações. Entendo certos mecanismos. Colecionando elogios. Atitudes ousadas. Tudo isso sem perder a civilidade e a tudo o que se propõe minha profissão. Nova avaliação e fui bem avaliada. Nada como tempo.

Estou sedenta por novos desafios. E para isso este ano será essencial, pois a grande lição será me desapegar de tudo e de todos que não me fazem bem. Aparar mesmo as arestas. Jogar fora o peso morto.

**********

As dívidas(faxina), estão indo bem. Ainda dependo que a Dra me ajude um pouquinho mais pra negociar nova dívida e em breve, penso eu que estarei livre de tudo de uma vez por todas.

Daí posso arrumar dívidas. Mas desta vez, boas dívidas.

***********************

Quero pôr a máquina de fotografar a postos e recomeçar este hábito que me dá tanto prazer.

**************************

Lesão na córnea. Quase dois meses de molho, usando óculos antigo e torto (metade pq eu sentei uma vez e outra pela troglodita que limpava a minha casa).

Conclusão: meio grau a mais depois da córnea curada. Isso, foram duas notícias: sua ceratite acabou e seu grau mudou mais meio grau. Iupi!

Fui orçar óculos e quase morri. Eehehehehehehehee. Lembrei que a grande empresa pra qual trabalho fornece óculos grátis com 30 dias de espera. Resolução: faço um por minha conta bem mais baratinho pra usar nas aulas e continuo de lente o dia todo. O óculos grátis, fica de reserva. Né?

**********************

E é isso. Apareçam.

26 de jan de 2010

PRA QUEM NÃO VIU

a coçada:



E aí? Sou exigente demais?

25 de jan de 2010

´TÁ, EU NÃO DEVERIA

Enumero duas coisas top master irritante de hoje:

*Nova propaganda da Qualy.
Longe da porcaria que eles voltaram com aquela coisa de histórinha sequenciais das propagandas sobre família e blábláblá mais do que explorada nos anos 90.

O que me irrita mesmo é por que a mãe-do-garoto-que-está-de-namorado-novo, tem que COÇAR A CABEÇA COM O NEGOCINHO DE FAZER CLARAS EM NEVE!!!!!!!!!!!!!

Depois vai dar o bolo seborrento pra o pirralho comer. Eca!


*Gente que não sabe etiqueta.

Tudo bem não saber. Mesmo. O problema é quando vc vê e quer copiar. Porra! Assim não dá pra ser fina.

Eu não deveria mas vou dar um toque pq etiqueta não é exclusividade minha (só das pessoas bem educadas) e pq ninguém nasceu sabendo.

Observe atentamente a figurinha:



Agora responda:

* De que lado do prato os talheres estão?
*O corte da faca está "olhando" pra onde?
*O garfo está de "bunda" pra cima?
*Se o prato fosse um relógio, que horas seriam?

Se vc não sabe o porquê de cada resposta a estas perguntas, deixa pra lá. Apenas grave mentalmente a figurinha e copie. Grave e treine pra não passar ridículo.


(Sou faxineira mas sou educadinha! Eheheheheh)

23 de jan de 2010

TEATRO

Acabamos de vir do teatro do Centro Cultural de São Paulo e recomendo que assistam à peça:



Garagem do Rock!

Peça que mistura humor e show de rock (cláááássicos!).

Excelente pedida pra um programa de Sábado, preço convidativo e merecidamente premiada em Curitiba.

VERÃO

" A fisionomia das mulheres só começa aos trinta anos. Até essa idade o pintor só encontra em seus rostos o rosa e o branco, os sorrisos e expressões repetem um mesmo pensamento, pensamento de juventude de amor, pensamento uniforme e sem profundidade; mas na velhice, tudo na mulher se exprimiu, as paixões se incrustaram em seu rosto ; ela foi amante, esposa, mãe; as expressões mais violentas da alegria e da dor acabaram por caracterizar, torturar seus traços, imprimendo neles mil rugas, todas com uma linguagem; um rosto de mulher torna-se então subime de horror, belo de melancolia, ou magnífico de calma ...(...)

(...) mas sim aos verdadeiros poetas, àqueles que têm o sentimento belo independente de todas as convenções sobre as quais repousam tantos preconceitos em matéria de arte e beleza."

Honorè de Balzac, A Mulher de Trinta Anos.

Pois é queridos. Timidamente voltando.

E este livro é fantástico. Não é à toa que é um clássico e não trata da beleza real Dove.

Recomendo que leiam.

E depois eu volto.