8 de jan de 2008

E SEGUIMOS VIAGEM

pela BR 262 (nossa, senti até a voz do Tony Tornado cantando agora) e paramos no CENTRO DE PESQUISAS PALEONTOLOGICAS L. I. PRICE .

na entrada tem um dino e claro, o sol que consumia meus poucos miolos, o calor da estrada e a tentativa frustrada de tomar um picolé mixuruca, fizeram com que eu tirasse essa foto vexatória, a qual, assim como os dinossauros que existiram, deixará uma certa recordação bizarra.



O museu, tem explicações muito detalhadas, mas o que impressiona mesmo é o bom gosto com o qual a exposição dos ossos foi montada. Nem a expô da Oca dos dinos foi tão bem feitinha, tão artística, digamos.

Aqui, uma reproduação do laboratório do Ivor Price que foi o paleontólogo que decobriu e mapeou todos os esqueletos e fósseis da região. Aliás, ô regiãozinha pra ter dino, viu?


Dentro de um dos ossos, cristais:


e aqui, o temido jacaré da região que era bem parrudinho, com patas bem altas; o que fazia dele um ótimo corredor. Medo da boquinha dele e da agilidade:



Agora, como não podia deixar de escapar, eu gostei foi da funcionária que estava vendendo os ingressos pra exposição. Ela, como todo o funcionário público que atende o público, tem lá a plaquinha dizendo que se ofender o funcionário público, vc é preso e coisa e tal. Porém, ela não é tão sagaz pra OUVIR o público ao qual ela deveria servir, afinal o nome correto é SERVIDOR PÚBLICO.

Imagina só, eu nunca tinha ido lá, tava perdida, somente pela obviedade, avistei a casa que seria o lugar das exposições. Mas percebi, que ao redor tinham mais coisas. Como estávamos lá de passagem, queria saber o que tinha ou não, daí.....

"-Boa tarde, tudo bem?
-....

olhei por cima do que seria o guichê e perguntei:

-Vcs tem algum folheto sobre o lugar? Tipo, um mapinha do parque?

-O ingresso é R$ 2,00, senhora."

Tipo, vc pergunta "A" e a mula te responde "4".
Sério que essa pessoa passou em um concurso?

2 comentários:

Lu disse...

Olha só... vai ver era uma terceirizada com medo de perder o emprego agora que terceirizados não podem mais trabalharem no serviço público... enfim... foto realmente desnecessária a do dinossauro com vcs na frente kkkkk

Ai, menina, falando em pegar folhetos e colher informações do lugar... lembrei de vc o tempo todo na Ilha Anchieta... aposto que vc teria altos papos com os Filhos da Ilha... pena q só tínhamos 2 horinhas...

Débora disse...

Eu teria? Não meu bem, EU TIVE. Ano passado, quando a gente chamou vc pra ir junto com os outros, vc preferiu ficar. Então eu tive o privilégiod e conhecer um dos soldados que é guia turítico da ilha e que contou toda a revolução mostrando os lugares. No final, ainda conversamos um pouquinho mais.

Passeio inesquecível o da Ilha Anchieta.