27 de ago de 2008

MEUS SAIS

O que fazer se o irmão que mora com vc reclama dos sucos que ele compra e não quer que vc
beba?
  1. Pôr purgante no suco dele
  2. Comprar suco e etiquetar pra ele não beber
  3. Beber sem se importar
  4. Ignorar o "xilique"
  5. Ignorá-lo como um "todo"

Eu fico com a última sentença. Próxima pauta.

+++++++++++++++++++++++++++++++++++

A aula correu muito bem, apesar de que os alunos estavam um tanto quanto excitados. Nada como uma boa prova difícil pra eles acordarem "pra cuspir". Tem gente não acreditando, mas serei bem ardilosa na próxima prova.

****************************************

Ardilosa= a palavra do momento. (Piada interna)

++++++++++++++++++++++++++

Dani (minha advogada più fofa) começou a dar aula. Apresentei o Dedé pra ela e eles se adoraram. Coisa boa quando dois amigos da gente se gostam espontaneamente. Creia, isso nem sempre foi possível no meu ciclo de amizades. Quando eu apresento, geralmente os amigos não se gostam. Daí juntar todos é mais difícil. Gente chata.....

******************************

Falando em amigo, um deles voltou a namorar. Logo minha amizade por ele está suspensa. Creia, não é porque eu queira. As coisas são assim. Ponto. Felicidades e até logo. "Até logo" modo de dizer, sem uruca, oks?

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&

O futuro olha pra mim e sinaliza que estou no caminho certo. Porém, olho tudo com a maior preguiça do mundo. Preciso reunir um pouco do que restou da minha força pra seguir adiante. Não posso me importar com os desvios pequenos do percurso. Mesmo.

*************************************

Conversando com o no portão de casa ontem quando vim do voluntariado, meu vizinho muito chato barulhento me disse: ', vc que é entendida....." e eu: "Pode parar! Entendida é coisa de GLS e que fique bem claro que eu só gosto de homem, tá certo?" Ele como é bem homofóbico, ficou bem sem graça com o meu comentário. Até pq ele sabe que em se tratando de diversidade sexual, eu sou bem tolerante. Eu nem diria tolerante, diria..... HUMANA. Mas a título de curiosidade, quero deixar claro que eu sou hétero.

Afinal, o que ele queria saber? Ele queria saber sobre o fato de Marte hoje estar bem próximo à Terra e assim visível. Esclareci que é normal, é assim mesmo e o aconselhei a não fazer dívidas pq o mundo não vai acabar em função disso. Mesmo.

Aliás, segunda pessoa na noite que me perguntou sobre isso. Como astróloga formada e pós graduada, quero dizer a vcs que fenômenos astronômicos pouco influenciam na vida da gente. Ok?

*************************************

Um comentário:

Mau Humor Ltda disse...

Apenas esqueceu a alternativa mais simples, compatível com a sua sensibilidade e compreensão da idiotice alheia:

Não beber.

Pois, "pôr purgante no suco dele" irá ter muitos contratempos. Lembre-se que em casa, tem apenas um banheiro. Com a disfunção intestinal, ficaria o cagão ocupando-o full time. E como você o usa também, não será uma boa não. Mesmo porquê, você não se serve do banheiro do seu pardieiro particular, já que está sem condições de uso por muito tempo. Tem look e funcionalidade de salle de bain, d'une routière de ville dans La Fête de la Bière.

Já "comprar suco e etiquetar para não beber", parte de uma ficção.

Começa com vc comprar algo.

O que por si só, é imponderável.

Não por razões econômicas. Mas em razão de que, dividir e compartilhar algo(que não sejam problemas) nunca foi o seu traço de personalidade mais perceptível.

Ao menos com familiares.

Ou que não seja por motivos particulares estritamente "promocionais".

"Beber sem se importar", "Ignorar o 'xilique'" e "Ignorá-lo como um 'todo'" é redundância.

Tão redundante quanto ao fato de ter percebido que "não quer que você beba" e insistir em beber...

Filantropa e esperta como é, basta relevar e ter uma atitude que revele essas suas características.

Ainda que seja de forma velada e discreta e sem alerde: Que tal emprestar (veja bem, emprestar e não doar) aquelas duas cadeiras que te pediram, prá que todos (você, sua cunhada, seu irmão mais novo e sua sobrinha)possam se sentar à mesa ao mesmo tempo?

Ah sim... Não pode, pois "depende ainda do balanço da sua empresa".

Balanço complicado, pois faz mais de um ano...

E se a complicação permanece, que tal uma coisa mais factível?

Pode-se economizar uma grana razoável com inseticidas, se você limpar a área interna do seu estabelecimento empresarial.

Até é meio estranho, que pessoa, tão avessa às sujidades, (ao contrário de quase todos os seus familiares próximos) cultive arremedo de jardim que mais se assemelha a beira de córrego de periferia. Precisando, se faz um mutirão e patrocinamos a água!

Ou ainda (esse é forçar a barra mesmo, mas vá lá...): compre (forcei) você mesmo os sucos e compartilhe (aimeudeus) com "quem mora com você ", novesfora seu irmão mais velho.

Mas não aqueles suquinhos de embalagens cujo conteúdo mal cabe num dedal e que você toma antes de chegar em casa e, dispensa o flagrante na rua.

Vale o mesmo com aquele chocolatinho que você compra com os trocados do pão. Dá próxima vez, compre mas não coma. Presenteie a sua "Dna. Mãe".

Todos saberão que foi patrocinado por ela mesma.

Mas a lembrança de tão inédito gesto, será exclusivamente devotado a você !

Com amor,
Seu "querido" e misantropo irmão "que mora com você".