11 de jul de 2007

APRENDENDO COM O ERROS

Tem gente que não confia no poder que
a transformação acontece na vida da gente,
pelo simples fato de não aprender com os erros
passados.

Alguns são complacentes demais, outros
radicais demais.
Me deparo com a notícia de um chinês
executado por corrupção.

Acho engraçado, as pessoas afirmarem
que essa lei do "olho por olho" deixaria nosso
país melhor, sendo que:

*Brasileiros em geral são cristãos. O cristão perdoa.
*Cristão espiritas, espiritualistas ou budistas, acreditam
na reencarnação, portanto.... a pessoa não deixaria de ser má
só pq morreu.
*Alguns, tão complacentes com os erros que cometem, que
o ser amado comete, que a família comete; então, cadê a "punição
justa"?

Nem os animais que são ditos irracionais tem tamanho
desrespeito com o semelhante: matá-lo puro e simplesmente.
Nem os índios, que são ditos não-civilizados.

Aliás, matar quem é corrupto ou pq é assassino ou estuprador
ou abortador, faz de nós, os juízes; tão ou mais podres.

NÃO HÁ MAIOR CASTIGO PRA QUEM É MAU, DO QUE SER
OBRIGADO A FAZER O BEM.

Leiam a reportagem e vejam que sim, existem pessoas
que mesmo sendo o seu filho/ marido/ pai ou etc, acreditam
que o ser humano mesmo errado, pode aprender e se transformar.

Um comentário:

Mana Iza disse...

Dé, se fossem matar todos os corruptos, Brasília certamente seria um deserto. Mas de cada vez ke algum tipo de corrupção acontece, a gente sente mesmo vontade de montar uma guilhotina e fazer um 14 de Julho ( pra kem sabe o ke foi essa data). E kem prestou prova lá no MAPA...deve estar puxando fio na navalha....