11 de nov de 2008

AFF QUE NOJINHO

Acabei de vir via metrô. Logo assim que adentrei a Sé pra trocar de linha, o maior cheiro ruim.... eca.

Daí entre no vagão propriamente dito e tinha uma senhora lá tão ensebada que tinha cheiro de bunda, cecê, xulé e espirro. Credo, quase gorfei. Ela quis descer e ainda teve o dom de passar entre o ferro e eu. Jesus! Eu me estiquei toda parecendo gato evitando a tina d'água.

Gente.... pelo amor de Deus. Chuveiro é simplesmente abrir a torneira e se enfiar lá embaixo. Custa? Tipo, eu não tô pedindo perfume de grife nem roupas caras. Tô pedindo simplesmente um banho acessível. Custa?

Falando em custar.....

Eu estou há mil e anos sem um óculos de sol. Coisas de gente que não tem renda estável, não é verdade? Bom, vai daí que eu fiz algo que não faço mesmo: entrei em uma loja só pra perguntar o preço da coisa. Normalmente eu só entro nas lojas quando tenho dinheiro e vou comprar coisa. Detesto passar raiva.

Entrei, escolhi um óculos, pûs na cara e .... perguntei quanto custava. "R$ 500,00, moça. Esse é da Donna Karan".

Ou seja, sem dinheiro mas com bom gosto. Gosto de rica, bolso de pobre. Acho que me fiz entender né: sem óculos escuros por uma boa temporada!

4 comentários:

Dalila disse...

Girl, nada a ver com teu post, mas vi que vc é vegetariana. E sabe, depois de muita enrolação e um tremendo senso de auto-complacência me decidi finalmente parar de comer carne. Por enquanto não vou sair por aí falando aos 4 ventos (4 ventos???), mas chega, tá na hora de dar um jeito nisso... me conte como foi que vc parou, por que, etc... ok?

bjs e espero que logo logo vc compre seus óculos da Donna Karan!

Luzinha disse...

guria, na marisoca tem zóculos de sol que parece de grife a uns 40 reais!

os lírios vão bem, brigadu, por enquanto, mas as violas é que estão bambeando! óh!, snif...

piso de banheiro é tududibom! bota um porcelanato, miga, prá não ter que ficar limpando que nem louca!

bjus!

Débora disse...

Lu: Aqui temos a 25 de Março, o Promocenter que vendem óculos bratinhos tb, porém, a córnea vai cozinhando.....

E o piso quem vai decidir é o cliente. Eu só dou as opções. Mas já tô levando em conta a praticidade da limpeza, sim.

Débora disse...

Dalila: Nunca gostei de comer carne. A única que eu gostava era fígado pq justamente não tinha nem jeito e nem gosto de carne.
Depois que fiquei "grande" e pude decidir o que comer, fiquei apenas nos presuntos e frangos da vida, até que um dia resolvi que não comeria mais nada animal.

Não sinto a menor falta, mas tb me cuido bem com alimentação: não vivo só de alface e tomate.

Precisando de dicas, pode contar comigo!