29 de abr de 2008

ENTREVISTA

Ontem de noite, escutei uma entrevista maravilhosa com uma antropóloga que entre outras coisas, discutia sobre sexualidade.

Não na forma de sexo propriamente dito e sim, a coisa mais no nível comportamental. De vestir uma garota de cor de rosa dos pés à cabeça e torcer para que os meninos sejam exímios jogadores de futebol.

Ela também falou sobre as Barbies, contos de fada e o quanto as mulheres são infelizes. As expectativas que colocam pra si, os modelos de mulher que a maioria segue.... O que acontece com garotas que destoam da maioria...... os garotos que de repente têm interesse por moda e a estigmatização que sofrem....

Fiquei com vontade de ler os livros dela. Mesmo.

Curioso é que ela entrevistou 1279 homens e mulheres no Rio De Janeiro, adultos. Ela perguntou para as mulheres, o quê elas invejavam dos homens e a maioria ESMAGADORA respondeu: "Liberdade".

Daí ela perguntou para os homens, o quê eles invejavam em uma mulher e a maioria, ES-MA-GA-DO-RA respondeu: "NAAAAADA".

Dá o que pensar, não é?

A maternidade para os homens, aparecia em 5%.

Enfim, apresento a professora Miriam Goldenberg que a partir de hoje, terá link permanente no meu blog.

2 comentários:

Armud disse...

Ahmn Dé me perdoa .....

LIBERDADE ....

Essas mulheres são oq ? Amarradas no pé da mesa ....

SO SRRY ...

Em tempos como os de hj a mulherada tem que bater com o pau na mesa issu sim ....

E TENHO DITO ....


BJUS DÉ qq HORA EU JURO QUE EU VOU AI TE DAR UM ABRAÇO XD

Débora disse...

Armando, vc pode entrar na padoca sem camisa? Não mais por causa do aviso na porta.... mas vc pode fingir que é analfabeto e entrar sem camisa. Já nós mulheres não.

Sem contar, que um deslize de um homem, é de uma noite. Pra uma mulher, um deslize conta até 21 anos, no mínimo.